• Prêmio Ricardo Ferreira ao Mérito Científico está com inscrições abertas

    26 maio 2017
    710 Views
    Comments are off for this post

    A segunda edição do “Prêmio Ricardo Ferreira ao Mérito Científico” está com inscrições abertas. A premiação será concedida a um pesquisador de destaque nas áreas de Ciências Humanas, Letras e Sociais, com atuação em Pernambuco e contribuição científica de reconhecido impacto nacional. As indicações devem ser feitas por instituições e encaminhadas até o próximo dia 2 de junho à Facepe, realizadora do prêmio, junto à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti).

    O comitê de busca, formado por professores, pesquisadores e especialistas nas áreas também com relevância e história de dedicação ao estado, receberá as inscrições e analisará os candidatos, submetendo uma lista de dois a três nomes para a escolha e decisão do Conselho Superior da Facepe. O Prêmio será entregue durante a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, em outubro deste ano. Em sua primeira edição, em 2015, a premiação foi concedida para a área de Exatas e Ciências da Natureza, reconhecendo a atuação de Oscar Malta, um dos fundadores do departamento de Química da UFPE.

    As indicações submetidas ao Comitê de Busca pelas entidades qualificadas deverão ser devidamente justificadas e acompanhadas de currículo descritivo detalhado de cada candidato, assim como de uma lista assinada por 20 pesquisadores com comprovada atuação na grande área do Prêmio. Cada pesquisador deve apoiar somente um dos nomes indicados. “Trata-se de um reconhecimento importante a esses pesquisadores, que são exemplo de contribuição e têm história em Pernambuco”, disse Abraham Benzaquem Sicsu, presidente da Facepe. A premiação inclui medalha, troféu, diploma e um valor em dinheiro (R$ 50 mil).

    A professora do departamento de história da UFPE e coordenadora no comitê de busca, Socorro Ferraz, explicou que essa é a primeira vez que o prêmio está aberto para pesquisadores das áreas de humanas e sociais. “Hoje as pesquisas estão cada vez mais integradas nas diversas áreas de conhecimento. Esse prêmio passa a ser também um estímulo para os pesquisadores de humanas”, explicou. Socorro destacou ainda a importância de Ricardo Ferreira para o cenário de científico do estado. “O professor Ricardo foi responsável pela formação de uma geração inteira de profissionais de ponta e de grandes pesquisadores de Pernambuco e do Brasil. Ele encabeçou uma mentalidade científica em nosso estado. Um exemplo a ser seguido, principalmente, pelos jovens pesquisadores”, exaltou.

    Prêmio Ricardo Ferreira ao Mérito Científico: Não à toa, o prêmio máximo da área no estado leva o nome do físico-químico Ricardo de Carvalho Ferreira, que dedicou sua vida à ciência. Criado em 2014, tem o objetivo de fazer reconhecimento público a um cientista brasileiro ou estrangeiro, com permanência mínima de 10 anos em Pernambuco, que tenha se destacado pela realização de contribuição científica ou tecnológica de extraordinário valor para o progresso da sua área do conhecimento. Em 2015, foi concedido à área de “Ciências Exatas, da Terra e Engenharias”. A homenagem enaltece o reconhecimento das contribuições dadas em vida ao Estado por Ricardo de Carvalho Ferreira, cientista do campo da químico-física que dedicou sua vida à ciência.

    Mais informações sobre o Prêmio: 3181.4612

    Leia Mais