Inbarcatel abriga projeto da Compesa que visa reduzir custos com o controle do desperdício de água

7 março 2019
104 Views
Comments are off for this post

O programa de incubadoras do Parque Tecnológico de Eletroeletrônicos e Tecnologias Associadas de Pernambuco (PARQTEL), o Inbarcatel, passa a abrigar neste mês a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). A um custo baixíssimo, a empresa vai desenvolver projeto para a criação de equipamentos para controle de abastecimento.

Pioneira no país na aplicação de inovação para o saneamento, a companhia tem como objetivo produzir soluções inteligentes para reduzir seus custos. A Compesa irá desenvolver dois produtos, um aparelho de telemetria e um controlador de válvula de vazão de água de saída de adutoras. A expectativa é que os produtos estejam prontos e em operação no controle do desperdício de água a partir do próximo ano.

A empresa pretende desembolsar inicialmente R$ 200,00 na criação do aparelho de telemetria, que tem valor de mercado de aproximadamente R$ 4mil. Por R$ 300,00, o projeto espera confeccionar o controlador de válvula de vazão de saída de água das adutoras. Custando atualmente R$ 15 mil, a peça impede que a água seja furtada da tubulação no trajeto até o abastecimento das cidades.

De acordo com o gerente de automação da Compesa,  Anderson Quadros, utilizar a infraestrutura de laboratórios e estar ao lado de profissionais e pesquisadores que atuam no Parqtel é bastante vantajoso: “Estaremos em contato com o que há de mais moderno na indústria e com as melhores práticas de desenvolvimento de dispositivos. Dessa forma, poderemos aperfeiçoar o que já produzimos e desenvolver novos produtos”, disse.

Para a gestora técnica do Parqtel, Fernanda Muniz, contar com uma empresa do porte da Compesa gera um impacto positivo, que evidencia o quanto é válido incentivar a pesquisa, desenvolvimento e inovação, e amplia a visibilidade do Inbarcatel: “Estamos entusiasmados em abrigar a Compesa, pois agregará um novo ponto de vista a um ambiente além de multidisciplinar, multi-institucional. A empresa vai estar ao lado de vários projetos e mentes criativas, para desenvolver um projeto que pode trazer inúmeros benefícios para a população”, declarou.