Secti, Facepe e SEE realizam live para tirar dúvidas sobre o Edital Inova.EDU

by Ailton Pedroza
2 semanas ago
75 Views
Secti, Facepe e SEE realizam live para tirar dúvidas sobre o Edital Inova.EDU
O edital foi lançado recentemente pela Facepe para formação de executores e multiplicadores dos Espaços 4.0.
A ação tem um investimento de mais de R$ 1,42 milhão, e faz parte do Programa Forma.AI.

A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco (Secti), a Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe), e a Secretaria de Educação e Esportes (SEE) realizam nesta terça-feira (05/10), a partir das 10h, uma live para apresentar o Edital Inova.EDU, lançado recentemente. A apresentação será uma grande oportunidade de tirar todas as dúvidas sobre o processo de submissão de propostas, cujo prazo se encerra no dia 25 de outubro. O bate papo virtual acontecerá no canal da SEE no Youtube, pelo link: www.youtube.com/Educa-PE.

O secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Lucas Ramos, a Gerente de Formação Superior da Secti, Emilia Kohlman Rabbani, a Gerente de Estratégia para Inovação, Katarina Marques, o Analista da Diretoria de Inovação e Internacionalização da Facepe, Marcelo Nazário, e o Gerente Geral de Educação Profissional da SEE, George Bento irão responder, ao vivo, os principais questionamentos e ajudar com orientações estratégicas para construção dos projetos.

O novo edital da Facepe vai disponibilizar R$ 1.425.600,00. Serão estruturados Objetos Digitais de Aprendizado (ODAs) pelos professores formadores e concedidas bolsas, via Facepe, para docentes executores e estudantes da rede pública estadual – Escolas Técnicas Estaduais (ETEs) e Escolas de Referência em Ensino Médio (EREMs) – garantindo uma formação completa em tecnologias portadoras de futuro e a criação de uma rede de multiplicadores dessas novas habilidades e conhecimentos para os 22 Espaços 4.0 em todo o Estado.

O Inova.EDU, além de contribuir com a formação qualificada de recursos humanos, é estratégico no fortalecimento de ambientes/ecossistemas voltados para pesquisa e inovação no Estado de Pernambuco. Serão beneficiadas, diretamente, 138 pessoas, além de mais de 6.600 usuários dos Espaços 4.0, de forma indireta.