Centros Vocacionais Tecnológicos (CVTs) iniciam produção de EPIs no combate ao Coronavírus

by Ailton Pedroza
2 meses ago
224 Views

São produzidos máscaras e aventais descartáveis

No intuito de ajudar na prevenção contra o Coronavírus, os Centros Vocacionais Tecnológicos (CVTs), implantados pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), entram em “campo”, na confecção de equipamentos de proteção individual (EPIs).

No município de Cupira, o CVT de Confecção Miguel Arraes de Alencar, está confeccionando máscaras e aventais descartáveis para serem distribuídas aos profissionais de saúde no Hospital Municipal José Veríssimo de Souza, unidades básicas de saúde, postos de atendimento em saúde e demais programas da rede. Todos os itens são produzidos seguindo as recomendações dos órgãos de saúde.

No município de Palmares, estão sendo produzidas diariamente 200 máscaras descartáveis no CVT de Confecção instalado na Secretaria da Mulher. Para a confecção, são usadas 08 máquinas industriais que em dias normais são utilizadas no curso de corte e costura.

“Na Secti, estamos todos empenhados no combate ao Coronavírus. Inclusive, sob a orientação do nosso secretário Aluísio Lessa, estamos encaminhando 19 máquinas para os municípios de Ribeirão, Catende e Água Preta. A ideia é que eles também possam trabalhar na confecção de EPIs”, destacou o gerente de Projetos e Programas Estratégicos, Joseênio Brandão.

Os CVT’s é uma iniciativa da Secti desde 2007, que visa atender a população na formação profissional, dentro da vocação de cada município, que vai desde agricultura irrigada, beneficiamento de polpa de frutas, laticínios entre outras atividades econômicas. São 14 CVT’s na área de confecção.