OFICINA DE INOVAÇÃO É REALIZADA PELA FACEPE

by admin
3 meses ago
47 Views

Lúcia Melo e Abraham Sicsú, ex-secretária de C&T e ex-presidente do órgão, respectivamente, foram os palestrantes da iniciativa

Foi com o intuito de discutir inovação – conceito e ações para o desenvolvimento do estado, que a Fundação de Amparo à Ciência e a Tecnologia (Facepe) realizou a Oficina de Inovação nesta quinta-feira (12). A iniciativa, que teve como palestrantes a ex-secretária de C&T, Lúcia Melo, e o ex-presidente do órgão, Abraham Sicsú, aconteceu na sede da Facepe, na Madalena, e contou com a presença do secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa, e de parte da equipe da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti). O atual presidente da Facepe, Fernando Jucá, também esteve presente.

“A troca de experiência é fundamental para o fortalecimento das ações. Por mais avanços que a gente tenha conquistado, muita coisa ainda precisa ser feita e, por isso, nada melhor do que a união para fortalecer nossas buscas e oportunidades”, disse Lessa.

Na ocasião, Sicsú destacou a importância da Facepe para o futuro do Estado de Pernambuco. “Sempre apoiamos ações de inovação. Para se ter uma ideia, em 10 anos, a gente conseguiu amparar cerca de 170 projetos e, muito deles, bastante conhecidos a exemplo do Parqtel”, enfatizou, ao frisar que, a Facepe sempre foi o meio mais eficaz de viabilizar programas de políticas públicas.

Já a ex-secretária de C&T, Lúcia Melo, afirmou que a inovação não tem regra e nem modelo único e que está sempre em estudo. “A Facepe é de grande importância não somente para a comunidade acadêmica, mas, também, para a sociedade porque ela é a visão de futuro, qualidade e sobriedade das pesquisas de inovação que, para se sobressair, precisa não somente da Facepe, mas dos laboratórios, universidades, empresas e do setor social”, ponderou Lúcia, ao finalizar que, o desafio agora é ser uma competência local com uma visão geral.

Facepe – Tem a missão de promover a Ciência, Tecnologia e Inovação em Pernambuco, por meio do fomento à pesquisa, processos e produtos inovadores, visando o desenvolvimento do Estado, da comunidade científica, do setor empresarial e da sociedade.